últimas resenhas

20 dezembro 2016

Eu Sou a Lenda, de Richard Matheson (#13)

| | 0 comentários

Título Original: I am Legend
Autor: Richard Matheson
Editora: Aleph
Ano: 2015
Páginas: 382
Para saber mais: Skoob
COMPRAR
Sinopse: Uma impiedosa praga assola o mundo, transformando cada homem, mulher e criança do planeta em algo digno dos pesadelos mais sombrios. Nesse cenário pós-apocalíptico, tomado por criaturas da noite sedentas de sangue, Robert Neville pode ser o último homem na Terra. Ele passa seus dias em busca de comida e suprimentos, lutando para manter-se vivo (e são). Mas os infectados espreitam pelas sombras, observando até o menor de seus movimentos, à espera de qualquer passo em falso... Eu sou a lenda, é considerado um dos maiores clássicos do horror e da ficção científica, tendo sido adaptado para o cinema três vezes.

13 dezembro 2016

Sangue Quente, de Isaac Marion (#12)

| | 0 comentários

Título Original: Warm Bodies
Autor: Isaac Marion
Editora: Leya
Ano: 2011
Páginas: 252
Para saber mais: Skoob
COMPRAR
Sinopse: R é um jovem vivendo uma crise existencial - ele é um zumbi. Perambula por uma América destruída pela guerra, colapso social e a fome voraz de seus companheiros mortos-vivos, mas ele busca mais do que sangue e cérebros. Ele consegue pronunciar apenas algumas sílabas, mas ele é profundo, cheio de pensamentos e saudade. Não tem recordações, nem identidade, nem pulso, mas ele tem sonhos.

06 dezembro 2016

Meu Nome é Amanda, de Amanda Guimarães (#11)

| | 0 comentários
Título Original: Meu Nome é Amanda
Autor: Amanda Guimarães
Editora: Fabrica231
Ano: 2016
Páginas: 132
Para saber mais: Skoob
COMPRAR
Sinopse: Com mais de 245 mil inscritos em seu canal no Youtube e vídeos que alcançam mais de um milhão de visualizações, a youtuber Mandy Candy conta sua história em livro. Nascida em Gravataí, no Rio Grande do Sul, Amanda nasceu num corpo de menino do qual sempre se sentiu desconectada. Ela juntou dinheiro e aos 19 anos, com o apoio da mãe, foi para a Tailândia fazer a cirurgia de redesignação sexual. Em seu canal no Youtube, ela fala, entre outras coisas, sobre feminismo e identidade de gênero, e faz enorme sucesso entre os adolescentes. No livro, Mandy conta tudo sobre bullying, sua fase de transição e sua trajetória até se tornar uma das youtubers mais conhecidas da internet.